“Autonomia 360°” de Renata Jubram

“De todos os predicados que indicam maturidade de uma pessoa, de uma equipe ou de uma sociedade, sem dúvida, a autonomia é o mais valioso e significativo. Um ser autônomo toma as decisões e faz as escolhas com responsabilidade, por isso libera plenamente seu potencial criativo e produtivo.
 
Ser autônomo não significa fazer apenas o que se quer, significa também atender aos desejos de outrem, mas não pelo medo da punição por não fazê-lo, mas por ter entendido a razão da demanda. Quando obedecemos uma norma por compreende-la, ela passa a nos pertencer. Essa é a beleza da autonomia.
 
Ao escrever este livro sobre autonomia e relaciona-la com as lideranças, sem esquecer que a primeira ação de um líder é liderar a si mesmo, Renata Jubram eleva a discussão sobre o tema e o coloca no nível dos atributos mais importantes dos líderes significativos.
 
Trafegando com naturalidade entre os extremos, Renata conecta a heteronomia do “porteiro Zé” à autonomia moral de Gandhi, e o faz com auxilio de pensadores do calibre de Gardner, Frankl, Piaget e Kohlberg, o que transforma a leitura deste livro em um passeio intelectual seguro e extremamente agradável. Pela seriedade dos conceitos, pela assertividade da abordagem e pela leveza da escrita, após lê-lo, pensei: “este é um livro que eu gostaria de ter escrito”.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *